segunda-feira, 18 de novembro de 2019

A lista - Oswaldo Montenegro



Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais

Faça uma lista dos sonhos que tinha
Quantos você desistiu de sonhar
Quantos amores jurados pra sempre
Quantos você conseguiu preservar

Onde você ainda se reconhece
Na foto passada ou no espelho de agora
Hoje é do jeito que achou que seria
Quantos amigos você jogou fora

Quantos mistérios que você sondava
Quantos você conseguiu entender
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém que saber!

Quantas mentiras você condenava?
Quantas você teve que cometer?
Quantos defeitos sanados com o tempo?
Eram o melhor que havia em você!

Quantas canções que você não cantava?
Hoje assobia pra sobreviver!
Quantas pessoas que você amava?
Hoje acredita que amam você!

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais

Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém que saber!
Quantas pessoas que você amava?
Hoje acredita que amam você!


quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Cirurgia astral

Artigo de Nilton Moreira no Blog EspiritualMente

Muitos acreditam que uma cura por cirurgia astral ou operação espiritual é milagre. Claro que, dependendo da crença de cada um, pode até ser chamado de milagre, pois existem pessoas que não entendem como tal pode acontecer.

Mas acima de tudo, está a medicina convencional, pois é esta ciência que representa na Terra as providências para que a melhora do mal que atinge o corpo físico se restitua. 

Sempre digo que o médico é o representante mais direto dos desígnios de Deus na Terra no que concerne aos males do corpo.

As chamadas cirurgias astrais ou curas espirituais são uma realidade, até porque esta prática foi muito utilizada por Jesus quando aqui esteve conosco e continuou sendo praticada por curandeiros, benzedores, sábios, magos, isto em vários povos. Os índios praticavam com muita frequência este ritual.

Com o tempo, tal procedimento passou a ser realizado através das religiões, com mais ênfase naquelas que mantém relações com o mundo espiritual, onde o doente recebe melhoras e, em certas ocasiões, fica curado. Algumas crenças até praticam cirurgias astrais à distância, onde o paciente fica em casa, recolhido por alguns momentos, enquanto que em determinado local, um grupo de religiosos se dedica à meditação e irradiação.

A cirurgia é plenamente admissível, pois que as pessoas que buscam tal recurso apenas estão praticando um ato de mudança de comportamento, já que a moléstia adquirida foi em razão da própria irresponsabilidade do doente, isto porque adoeceu em razão de ter desviado a mente do caminho reto.

Quando o paciente resolve submeter-se a cirurgia astral, a mente é revestida de fé, de bons pensamentos, de humildade e a sua aura passa a ficar mais brilhante, energizada, e isso possibilita que as entidades ligadas à espiritualidade maior possam praticar melhorias no organismo fluídico do doente, que vai repercutir no corpo denso, restaurando o que fora estragado anteriormente pela invigilância dele próprio.

É evidente que muitas moléstias que contraímos não podem ser curadas, pois fazem parte de resgates de outras vidas, cuja anomalia aconteceu em razão de excessos que praticamos no passado como, por exemplo, abuso do álcool e desencarne decorrente de cirrose. Certamente, numa próxima existência, reencarnaremos com problemas hepáticos.

É importante que, ao sentirmos algum mal-estar, procuremos a medicina convencional e sigamos à risca a prescrição médica. E, ao optarmos pela cirurgia astral, não paremos este tratamento, pois que se estamos vivendo na vida material, é necessário submetermos ao que faz parte daqui.

Também é importante que, ao melhorarmos, mudemos nosso comportamento e hábitos, deixando de incorrer nos mesmos erros. Lembremo-nos de Jesus quando disse: "Olha que já estais curado, não peques mais, para que não te suceda coisa pior!".

Pensemos nisso!

Nilton Moreira no Blog EspiritualMente
Nilton Moreira



Para ler outros textos de Nilton Moreira, clique aqui!


sexta-feira, 18 de outubro de 2019

A musicoterapia nas Casas Espíritas - 2ª parte

Almir Paes no Blog EspiritualMente
Banda Procurando Ritmo

Já conversamos sobre a musicoterapia nas casas espíritas em texto anterior.


Mas gostaria de narrar uma fato bem interessante que aconteceu recentemente.

Quando eu estava saindo da visita ao Abrigo Espírita Lar de Jesus, realizada com outros trabalhadores do Educandário Espírita Joana D'Arc, uma senhora me parou e pediu para ver minha camisa, provavelmente para identificar de onde eu era.

Como estava com a camisa da Procurando Ritmo, banda composta por trabalhadores do Joana D'Arc, expliquei a ela o trabalho de musicoterapia que fazíamos nas instituições. Ela então me disse:

- Moço, eu sou católica, mas quando passei por aqui, senti uma energia boa vinda de dentro daquela sala, onde ouvia a música. A própria música, a alegria, a energia, me convidava a entrar, sem eu nunca ter entrado ou passado por aqui. Não entrei porque estava indo comprar um remédio de extrema necessidade para minha mãe, mas a vontade de entrar era grande. Gostaria de saber quando vocês voltarão a este lugar novamente para eu participar deste grande encontro! 

Eu disse a ela que não sabia quando retornaríamos ao Lar de Jesus, mas falei o local, o dia e o horário da nossa próxima visita, em outra instituição.

Banda Procurando Ritmo no Blog EspiritualMente
Visita a um abrigo de idosos

Havia passado tanto tempo conversando com essa senhora que o pessoal já estava no carro me esperando para ir embora e nem me dei conta disso. No meu entendimento, ela não se referiu da afinação da Banda, nem da harmonia da música material, mas falou da energia que emana das visitas que fazemos.

Os espíritos, certamente, estão conosco com os seus instrumentos musicais espirituais, harmonizando e energizando o ambiente. Nós somos apenas os instrumentos para que isso ocorra. 

Mas para isso, é preciso haver bons propósitos, boas energias e, sobretudo, muito amor da nossa parte para que essa sintonia com o mundo espiritual aconteça!


Almir Paes no Blog EspiritualMente
Almir Paes
O Cronista da Alma




Deseja ler outros textos de Almir? Então, clique aqui!



quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Entrevista com a Nutricionista Paola Cariello

Paola Cariello no Blog EspiritualMente
Paola Cariello

Nutricionista formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Paola sempre teve certeza da escolha dessa profissão, mas sentia que poderia ir mais além dessa formação básica.

Buscou outras ferramentas através de cursos de Coach, Mindfulness, livros de autoconhecimento e de Metafísica, chegando ao Thetahealing, à Aromaterapia e aos Florais Sequenciais.

Nas consultas como nutricionista, vai além da simples organização do plano alimentar, utilizando recursos de Coach, Mindfulness, Aromaterapia e Florais Sequenciais para auxiliar o paciente a ter um (re)equilíbrio entre corpo, emoções e mente.

Locais de atendimento:

RJ:
- Clínica Patrícia Davidson: (21) 97323-5740
- Consultório particular: (21) 98930-7668

SP:
- Clínica Patrícia Davidson: (11) 97405-6492

Contato:

Facebook:


*               *               *

EspiritualMente - Como é a sua relação com a Religião e a Espiritualidade?

Paola - Desde criança, lembro de fazer orações e agradecimentos a Deus junto com meus pais e, por serem católicos, sempre frequentei à missa e participei de todos os "rituais" da Igreja (batismo, catecismo, primeira comunhão...). Mas também sempre tive o meu "sexto sentido" mais aguçado. Lembro de escutar vozes e ter a sensação de alguém junto de mim. Na época, por falta de conhecimento e entendimento do que poderia ser, pedia a Deus para me proteger e levar embora o que pudesse estar acontecendo. Depois de alguns anos, comecei a fazer parte e a entender mais sobre a Doutrina Espírita, que me ajudou muito no processo de compreensão.


EspiritualMente - Existe alguma relação entre alimentação e espiritualidade?

Paola - Alguns alimentos são mais estressores e podem perpetuar processos inflamatórios no nosso organismo. Agora, imagine uma vida inteira consumindo esses alimentos com frequência, como café, açúcar, sal, temperos industrializados, lácteos, carne vermelha, gordura trans, trigo, adoçantes... 

Junto com o consumo exacerbado desses alimentos, vem a falta de atividade física, baixo contato com a natureza, excesso de poluição eletromagnética (oriunda de aparelhos celulares, computador, TV...), sono inadequado, stress... 

Se tudo a nossa volta é energia e possui uma energia vital, inclusive os alimentos, uma alimentação moderna com predominância de alimentos industrializados, processados, com baixo valor nutricional e repleto de agrotóxicos, não estará nutrindo o corpo o suficiente. E, quando digo nutrir, estou me referindo à vitaminas, minerais e antioxidantes, mas também a essa energia do alimento in natura, fresco e orgânico. 

Uma pessoa com o corpo inflamado também estará energeticamente desequilibrado, tendo mais dificuldade de se conectar consigo mesmo e de manter uma conexão superior.


EspiritualMente - Sendo assim, que tipos de alimentos mais prejudicam a elevação do nosso padrão vibratório espiritual?

Paola - De uma forma geral, alimentos industrializados e ultraprocessados (macarrão instantâneo, biscoitos, salgadinhos, sorvetes...), comidas congeladas, café, açúcar, sal, temperos industrializados, lácteos, carne vermelha, produtos à base de trigo (pão, bolo, massas...), adoçantes, bebida alcoólica, alimentos não orgânicos. Mas, como cada pessoa possui um metabolismo único, podem haver alimentos mais específicos que causem desconfortos a uma pessoa, enquanto outras não sintam seus efeitos.


EspiritualMente - Algumas religiões consideram o jejum uma prática fundamental e sagrada. Pelo ponto de vista nutricional, até que ponto ou em que condições um tipo de jejum é válido?

Paola - Do ponto de vista nutricional, são permitidos ao longo do jejum o consumo de água, chás e café sem adoçar. Nessa estratégia, como não há o consumo de alimentos que gerem oscilações na insulina (hormônio responsável por metabolizar a glicose), conseguimos oferecer ao corpo uma pausa metabólica, havendo um melhor processo de detoxificação, maior regulação hormonal e modulação de hormônios responsáveis pelo controle de fome e saciedade. O jejum é válido para pessoas que apresentam resistência à insulina, pré-diabetes, níveis de colesterol e triglicerídeos elevados e esteatose hepática (gordura no fígado). Como pode ser praticado períodos variados de jejum, precisa ser avaliado individualmente junto com o nutricionista.


EspiritualMente - Atualmente, muita gente está adotando a alimentação vegana. Podemos dizer que não consumir produtos de origem animal representa o auge de uma alimentação saudável e mais benéfica ao corpo e ao espírito?

Paola - Uma alimentação vegana bem ajustada traz inúmeros benefícios ao corpo, às emoções, à mente e ao espírito. Mas, infelizmente, vejo muitas pessoas começando uma alimentação vegetariana e vegana por conta própria, sem o correto acompanhamento. Acabam consumindo pães, massas, batatas, arroz e um baixo consumo de vitaminas, proteínas, vegetais, frutas e gorduras boas. Se a alimentação está organizada e com predominância de alimentos orgânicos, frescos e in natura, essa pessoa irá usufruir de todos os benefícios de uma alimentação limpa, tendo mais energia, disposição física, clareza mental e melhor conexão consigo mesmo. 


EspiritualMente - No seu trabalho como nutricionista, você já deve ter tratado vários pacientes cujo tipo de alimentação estava prejudicando de forma bem perceptível a questão da espiritualidade. Poderia nos contar algum caso interessante?

Paola - Lembro de uma senhora de uns 50 e poucos anos que tinha muita dificuldade para dormir, baixa energia para o dia, humor deprimido e "zero tesão pela vida", como ela mesma me dizia. Utilizava remédio para dormir e antidepressivo há alguns anos e tinha uma alimentação muito desequilibrada, que tinha predominância de alimentos industrializados, fast food, açúcar e baixo consumo de alimentos frescos e in natura. Após muita conversa, ajustamos sua alimentação e suplementei poucas vitaminas. Após uns 45 dias, fizemos nossa consulta de retorno e ela me relatou melhora logo nos primeiros 15 dias, estando mais disposta, com o sono mais regularizado e com o humor mais equilibrado. Nesse período, ela decidiu voltar para as sessões de terapia, iniciou atividade física e me disse que até para a igreja tinha retornado, já que antes se sentia desconectada de tudo.


EspiritualMente - Para muitas pessoas, a mudança de hábitos alimentares não é um processo fácil e simples. E muitas quando iniciam, acabam desistindo pouco tempo depois. Que conselhos você poderia dar àqueles que estão tentando reformular seu cardápio?

Paola - Procurem um nutricionista que você se identifique para que juntos vocês possam organizar uma rotina de alimentação que se adapte ao seu dia a dia. Escolha um dia da semana (domingo, por exemplo) para organizar as ideias e a rotina básica da semana (dia de mercado, dia de fazer comida, dia de feira...). Estabeleça até 3 metas semanais e deixe anotado no celular e em post-it. Pode ser aumentar a ingestão de água, consumir vegetais 5 vezes na semana, reduzir consumo de café, caminhar 3 vezes na semana... A principal dica é pensar em metas que possam ser cumpridas. Se você pensar em metas difíceis e que sabe que no momento não são passíveis de serem cumpridas, você irá se frustrar com mais facilidade e a chance de desistir é maior.


EspiritualMente - Que mensagem você deixa aos seguidores e visitantes do nosso Blog? 

Paola - Fico muito feliz em hoje em dia perceber um movimento da nutrição que vai além de "engordar e emagrecer" ou "pode e não pode". O alimento une as pessoas e tem um valor muito grande para cada um. Nem sempre é fácil mudar e transformar hábitos de uma vida inteira. Mas, como sempre digo aos meus pacientes e seguidores, sempre podemos (re)começar e fazer algo diferente!


*               *               *

Agradecemos a Paola Cariello por conceder tão esclarecedora e instrutiva entrevista!





segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Divaldo - O mensageiro da paz

Sugestão de filme do Blog EspiritualMente

Ano: 2019

Gênero: Biografia / Drama

Nacionalidade: Brasil

Direção: Clóvis Mello

Com: Bruno Garcia, Ghilherme Lobo, Laila Garin, Regiane Alves, Marcos Véras, Caco Monteiro.

Sinopse: Convivendo com a mediunidade desde os quatro anos de idade, Divaldo (Bruno Garcia/Ghilherme Lobo) era rejeitado pelas outras crianças e reprimido pelo seu próprio pai (Caco Monteiro). Ao completar 17 anos, o jovem decide usar seu dom para ajudar as pessoas e se muda para Salvador, com o apoio da mãe (Laila Garin). Sob a orientação de sua guia espiritual, Joanna de Ângelis (Regiane Alves), ele se torna um dos médiuns mais importantes de todos os tempos.



Comentário: Um filme bem produzido, com um bom roteiro e com excelentes atores. Podemos destacar as atuações de Laila Garin (mãe de Divaldo) e a de Marcos Véras (obsessor). Além de apresentar os principais momentos da vida de Divaldo, aborda e exemplifica vários pontos da Doutrina Espírita. Consideramos o melhor filme sobre o Espiritismo já produzido. Vale muito a pena assistir, aprender e se emocionar!





quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Convite à contemplação



Nunca me sinto pobre ao contemplar as estrelas.

Nunca me sinto dono do latifúndio do céu.

Os astros não tem donos e, ao mesmo tempo, tem tantos donos. Pertencem a todos aqueles que se sentem poetas.

A noite é a grande mestra. É a grande dama do céu. É conselheira. É sedutora. É sobretudo mágica.

Quando for olhar as estrelas, reflita com elas, contemple-as e relaxe, como quem se deixa levar pelo sentimento e pelo relativo abandono do contexto e ritmo da vida. 

Se esqueça um pouco de si.


Almir Paes
O Cronista da Alma




Para ler outros textos de Almir, basta clicar aqui!





Por que os maus sobrepujam os bons?




*          *          *

Neste vídeo, Vania Mugnato de Vasconcelos explica a questão 932 de O Livro dos Espíritos: Por que, no mundo, tão amiúde, a influência dos maus sobrepuja a dos bons?




Quer assistir outros vídeos da Vania? Então, clique aqui!