quarta-feira, 11 de março de 2020

Estreita ou larga

Texto de Nilton Moreira no Blog EspiritualMente

Claro que a maioria das pessoas prefere a porta larga ao invés da estreita, exemplificada por Jesus quando esteve aqui entre nós trazendo a mensagem do Plano Cristão.

Sem dúvida, enveredando pela porta larga, a vida fica mais fácil de ser vivida, mas, ao mesmo tempo, deixamos de observar grande parte dos valores morais. Também por esta porta, não necessitamos de sacrifícios para conseguir galgar degraus no poder, parecendo que a vida nos apresenta realizações maiores.

Mas de que vale optarmos por uma porta larga agora e depois, ao revermos nossas vidas por ocasião da nossa chegada à espiritualidade, vermos que todos os entraves que nos foram colocados, dirigindo-nos à porta estreita, eram na verdade para o nosso crescimento e, no entanto, optamos pela larga que só nos causou tristeza e arrependimento?

Temos uma péssima ideia de que a vida aqui na Terra é só para ser aproveitada materialmente e que o valor das pessoas está no dinheiro e no poder. Enganamo-nos. Não levaremos o dinheiro para a outra vida, a fortuna que possamos ter aqui será dissipada por ocasião da partilha dos bens com os herdeiros e o poder na maioria das vezes é passageiro aqui neste mundo.

Devemos, logicamente, usufruir dos bens materiais conquistados, mas nunca ficarmos atrelados psiquicamente, pois isso só causará angústia na vida além-túmulo, mesmo para os que não acreditam que a vida continua.

A porta larga representa todas as perdições, os caminhos que enveredamos para as facilidades, os desvarios, o menosprezo pelo irmão que caminha com dificuldade na vida e, muitas vezes, não lhe damos uma oportunidade de melhoria.

A porta estreita pode parecer difícil de atravessá-la, mas os benfeitores, mensageiros do Cristo, nunca nos deixam desamparados e, certamente, após vencermos as dificuldades, vamos ter o sentimento de dever cumprido.

Que possamos sempre ter discernimento ao nos depararmos com ambas as portas, para que nossa bagagem de conhecimentos seja farta de boas atitudes quando daqui partirmos.

Realizações a todos!

Nilton Moreira



Para ler outros textos de Nilton, clique aqui!



quinta-feira, 5 de março de 2020

Beleza oculta

Sugestão de filme do Blog EspiritualMente

Ano: 2017

Gênero: Drama

Nacionalidade: EUA

Direção: David Frankel

Com: Will Smith, Kate Winslet, Edward Norton, Helen Mirren, Keira Knightley

Sinopse: Após uma tragédia pessoal, Howard (Will Smith), um bem sucedido publicitário, entra em depressão e passa a escrever cartas para a Morte, o Tempo e o Amor, algo que preocupa seus amigos. Mas, o que parece impossível, torna-se realidade quando essas três partes do Universo decidem entrar em contato. Logo, a Morte, o Tempo e o Amor vão tentar ensinar o valor da vida para o protagonista.




Comentário EspiritualMente
 
Um filme simplesmente excelente, reflexivo, com um bom roteiro e bons atores. Possui um final surpreendente. Aborda temas como perda de entes amados, depressão, amor, amizade, dentre outros. Sua grande mensagem é como o indivíduo pode lidar ou superar os grandes problemas que afetam sua existência, principalmente no âmbito familiar. Vale a pena assistir e se emocionar!




sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

Quanto custa?

Texto de Almir Paes no Blog EspiritualMente

Quanto custa a confiança? E uma amizade verdadeira?

Quanto custa um abraço? E uma palavra amiga?

Quanto custa a atenção?

Quanto custa o tempo despendido das nossas vidas?

Num mundo tecnológico, materialista, onde se compra quase tudo, as nuances do sentimento não são compradas, são conquistadas com o hábito de fazer o bem, com a educação do sentimento e com o tempo da maturidade do senso moral.

Os bens não materiais são adquiridos com o tempo, com a experiência, os usos e costumes diversificados. São conquistas adquiridas com a história de vida de cada um: tristezas, alegrias, perdas e ganhos, sucessos e fracassos.

O custo de uma vida é o tempo que você gasta aprendendo a gostar de fazer o bem, a conviver com as pessoas, ensinando e aprendendo com elas.

Cada bem material comprado custou um tempo de vida de cada um. Precisamos rever nossos conceitos sobre eles. Logicamente precisamos deles, mas não podemos nos render a eles. Não somos proprietários de nada, mas não podemos ser propriedade de ninguém.

Os bens materiais são úteis e necessários. Custam tempo, vida, experiência e capacitação.

Os bens espirituais são necessários para a integração e a felicidade do ser.

Pensemos nisso!

Almir Paes
O Cronista da Alma



Para ler outros textos de Almir, clique aqui!




quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Tudo que acontece de ruim é para melhorar - Paulinho Moska




É tão difícil a gente caminhar
Quando uma estrada não está mais lá
E ter que construir o próprio chão
Com as incertezas que tiver

Em cada curva pra lá e pra cá
Qualquer desvio pode transformar
A ponta de um universo em explosão
Coisas pr'um futuro que vier

E tudo que foi dor um dia
Noutro dia será dia de continuar
Caminhando sob o sol
Até o amor se reinventar

Vida que a gente aprende
Tudo que acontece de ruim é para melhorar
Tudo que acontece de ruim é para melhorar



quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Comunicado do EspiritualMente

Prezados(as) Irmãos(ãs)!

Há 03 anos que o Blog EspiritualMente vem trazendo um conteúdo inovador na divulgação da nossa querida Doutrina Espírita.

Em nosso humilde currículo, já realizamos mais de 40 entrevistas, publicamos dezenas de artigos e mensagens, divulgamos várias notícias e eventos espíritas e ofertamos várias sugestões de filmes, músicas e livros. Sem dúvida, podemos afirmar que já temos um significativo material para consultas e pesquisas.

Além disso, até a presente data, tivemos quase 40 mil acessos e já fomos citados e prestigiados por centenas de pessoas em diversas regiões do Brasil e do mundo.

Agradecemos muito a Deus por esses resultados alcançados, por termos sido úteis, em algum momento, a alguma pessoa.

Porém, devido a alguns problemas particulares e a diversos compromissos, infelizmente, não temos conseguido postar novas publicações em nosso Blog.

Isto não quer dizer que este projeto ficará abandonado na internet ou sairá do ar.

O EspiritualMente continuará ativo, porém, nossas publicações serão mais esporádicas, pelo menos enquanto durar essa fase mais turbulenta. 

Pedimos a compreensão de todos vocês, colaboradores, seguidores e visitantes!

Essa fase vai passar!

Abraço fraterno a todos(as)!




sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

Entrevista com Girlany Rino

Girlany Rino no Blog EspiritualMente
Girlany Rino

Nascida em Recife/PE, Girlany é Coach de Vida e Carreira, Administradora, possui MBA em Gestão com Pessoas e é especializada em Psicologia Organizacional e do Trabalho. Também é Analista Comportamental DISC, Practitioner em Programação Neurolinguística e tem mais de 11 anos de experiência nos subsistemas de RH.

Solteira e sem filhos, Girlany tem uma consultoria chamada Florescer Gente & Gestão.



Faz parte da Federação Espírita Pernambucana e do Instituto Espírita Vida.



*               *               *

EspiritualMente - Como o Espiritismo chegou em sua vida?

Girlany - O Espiritismo chegou em minha vida aos 14 anos, quando minha tia paterna, Lucilde, me emprestou o livro Nosso Lar. Fiquei assustada com as informações que o livro passava, mas ao mesmo tempo respondia as minhas indagações: de onde vim, para onde vou e quem eu sou. Passaram-se alguns anos e, aos 21 anos, despertou a vontade de conhecer melhor a Doutrina Espírita e perguntei a minha tia sobre um centro que ficava próximo da minha casa, o Centro Espírita Caminhando para Jesus, no bairro de Campo Grande em Recife. A primeira vez que fui com a minha tia, iniciamos os tratamentos, onde passei a frequentar umas três vezes por semana. Enfim, sou espírita desde 2001 e há 04 anos faço parte da Federação Espírita Pernambucana, onde sou trabalhadora voluntária, expositora, passista, dirigente de palestras, precista, monitora do ESDE (Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita) e estudante do MEP II (Mediunidade Estudos e Práticas). 


EspiritualMente - Que análise você faz do trabalho de divulgação e condução da Doutrina realizada pelas lideranças espíritas brasileiras nos dias atuais?

Girlany - É um trabalho desafiador e de muito amor, pois é uma dedicação grandiosa e voluntária. Logicamente, há muito o que ser feito e precisamos aderir a revolução 4.0, ou seja, "Espiritismo 4.0". Essa expressão é utilizada para uma tendência virtual e tecnológica. 
Muito já tem sido feito e muitas instituições já estão utilizando essa modalidade, gravando e exibindo ao vivo as palestras, cursos on-line e, quem sabe, logo, logo, atendimento fraterno virtual. Essas lideranças precisam ficar atentas e antenadas nessa revolução.


EspiritualMente - Como você avalia os quesitos ousadia, inovação e criatividade na administração das casas espíritas?

Girlany - Muito já tem sido feito, como havia dito na resposta anterior, mas precisamos fazer mais para atrair o público jovem, que serão os futuros trabalhadores das casas espíritas. E a juventude está muito exigente nesses quesitos e são eles que tornam as casas espíritas mais ousadas, inovadoras e criativas. Precisamos também modernizar os centros no sentido virtual e tecnológico.


EspiritualMente - Na sua opinião, as técnicas de coaching são aplicáveis no trabalho espírita? Por quê?

Girlany - São aplicáveis sim, não porque eu seja uma Coach, mas porque as técnicas, de perguntas poderosas, seriam importantes para um atendimento fraterno e uma reflexão aprofundada nos estudos. E a técnica da Programação Neurolinguística (reprogramação dos pensamentos) para as exposições espíritas. Inclusive, eu indico o livro Pensamento e Vida de Emmanuel por Chico Xavier, onde traz essas informações sobre o que pensamos e nos auxilia a melhorar os nossos pensamentos. Joanna de Ângelis também traz essas informações em suas obras e, principalmente, na série psicológica.


EspiritualMente - Nesses agitados e estressantes dias de hoje, quais os maiores desafios para se manter uma boa conduta espírita?

Girlany - Todos os dias são desafiantes, mas quando estudamos e praticamos o Evangelho do Cristo fica "menos difícil". Como sempre digo em todas as minhas exposições espíritas, de nada adianta estudar e não praticar. Portanto, sempre utilizo uma das mais belas mensagens que Jesus nos ensinou: "Vigiai e orai, para não cairdes em tentação!" (Mateus, 26:41). Ou seja, de uma forma bem simples, vigiar os pensamentos e, se perceber que vai falhar, entrar em prece e pedir uma orientação divina.


EspiritualMente - Todo trabalhador espírita, especialmente aqueles que atuam no campo da divulgação, já vivenciou um fato curioso, inusitado e cheio de reflexão no desempenho da tarefa em questão. Você poderia nos contar alguma história?

Girlany - Já tive algumas vivências na divulgação espírita, mas a que me marcou bastante foi na Casa dos Espíritas, no bairro das Graças em Recife, onde nos domingos tem palestra para os assistidos da instituição. Foi uma linda e desafiadora experiência, onde eu tive que falar para um público diferente para o qual eu comumente falo. Tive que trazer de uma forma bem simples os ensinamentos do Cristo e utilizei comparações com o nosso dia a dia. Por exemplo: disse que já viemos para esse mundo com R$ 1.000,00 de débitos a pagar, mas caso fizéssemos outros débitos e não pagássemos o que já está em aberto, essa dívida aumentaria cada dia mais. Se, por acaso, atentássemos contra nossa vida, além dos R$ 1.000,00 que estávamos devendo, teríamos mais outros R$ 1.000,00 a dever, ou seja, ficaríamos com uma dívida de R$ 2.000,00 para pagarmos em outras existências. Nesse mesmo dia, para tornar a palestra mais participativa e menos enfadonha, pois os assistidos vão mais pelas doações do que pela palestra, eu me dirigi a uma senhora e perguntei se ela lembrava quando tinha 15 anos. Ela disse que lembrava bem e quando perguntei sua idade, pasmem, ela disse que tinha 113 anos e a dirigente confirmou a informação, dizendo que ela havia completado essa idade naquela mesma semana. Isso me deixou bem emocionada e, no final da palestra, cantamos parabéns para ela.


EspiritualMente - Você tem algum objetivo ou projeto a ser alcançado no trabalho espírita?

Girlany - Meu maior objetivo ou propósito de vida, seja no campo pessoal ou profissional, é contribuir para o progresso das pessoas. Seja desenvolvendo os colaboradores nas empresas que atuo, seja nas pessoas na divulgação espírita. A sementinha é plantada hoje, mas o florescer desses seres, assim como eu, poderão vir em outras existências.


EspiritualMente - Que mensagem você deixa aos visitantes e seguidores do nosso Blog?

Girlany - "Um sábio da Antiguidade vo-lo disse: Conhece-te a ti mesmo!". Essa frase é atribuída ao filósofo grego Sócrates (470-399 a.C.). Essa frase também é a resposta da questão 919 de O Livro dos Espíritos e me fez querer conhecer ainda mais a Doutrina Espírita.
Eu diria que o autoconhecimento é fundamental em todas as áreas de nossas vidas. E como Santo Agostinho indicou nessa questão, eu procuro refletir sempre nas minhas atitudes e o que preciso melhorar diariamente.

Dessa forma, seguimos em busca da nossa reforma íntima, um dos propósitos da nossa reencarnação no Planeta Terra, e dos ensinamentos do modelo e guia da humanidade: Jesus.  



*               *               *


Agradecemos a gentileza de Girlany Rino por conceder esta bela entrevista ao nosso Blog!




segunda-feira, 16 de dezembro de 2019

Forrest Gump

Sugestão de filme do Blog EspiritualMente

Ano: 1994

Nacionalidade: EUA

Gênero: Comédia / Drama

Direção: Robert Zemeckis

Com: Tom Hanks, Robin Wright, Sally Field, Gary Sinise

Sinopse: Quarenta anos da história dos Estados Unidos no século XX, vistos pelos olhos de Forrest Gump (Tom Hanks), um rapaz com QI abaixo da média e com boas intenções, que consegue participar de momentos cruciais como a Guerra do Vietnã e Watergate, mas não deixa de pensar no seu amor de infância, Jenny Curran (Robin Wright). 




Comentário: Vencedor de 06 Oscars, incluindo o de melhor filme e ator, Forrest Gump transmite de uma forma bem sutil e humorada várias reflexões para o espectador. A principal delas é a própria postura da personagem principal. Mesmo possuindo um QI baixo, ele consegue obter um bom êxito na vida graças a sua disciplina, a sua humildade e ausência de maldade em seu coração. Além disso, os conselhos e orientações da sua mãe estão sempre presentes no seu modo de viver.