segunda-feira, 5 de março de 2018

Entrevista: Heloísa Ballester


Heloísa Ballester


Mineira de Montes Claros, mas sergipana de coração. Pedagoga por formação e opção, trabalhou na rede pública de ensino continuando o trabalho até os dias de hoje na divulgação da Doutrina Espírita. Ajudou na implantação da IBEM (Instituição Beneficente Emmanuel), que fica no bairro Santa Maria em Aracaju/SE, e que investe na formação da cidadania através da educação. 



Heloísa tem três filhos e seis netos, aguardando a chegada do sétimo.



*          *          *


EspiritualMente - Como você conheceu o Espiritismo? Qual a importância desta Doutrina em sua vida?

Heloísa - Aprendemos que a dor é ferramenta buriladora de almas. Comigo não poderia acontecer diferente. Sendo assim, questionando a supremacia do Criador encontrei-O, e aí tudo fez sentido na minha vida.


EspiritualMente - Qual sua avaliação sobre o trabalho e os meios de divulgação da Doutrina realizada pelo movimento espírita nos dias atuais?

Heloísa - A regeneração da humanidade está se dando, quer queiramos ou não, pois estamos fadados a evoluir. A Terra, na época atual, está passando por uma transição. Trabalhemos no coletivo e no individual, vibrando pelo bem, com o bem e estimulando a todos que cruzem o nosso caminho a prosseguirem no ministério do bem a qualquer custo, sem desânimo e sem contrariedade, pois continuam todos amparados por Deus.


EspiritualMente - A Doutrina Espírita está cumprindo os seus objetivos na sociedade brasileira ou falta ainda alguma coisa?

Heloísa - O avançar da Doutrina segue apesar dos homens e com os homens, pois somos falíveis. Como o objetivo da Doutrina é a felicidade de toda a humanidade - e isso para se tornar realidade - "será necessário que a Terra seja povoada apenas por bons espíritos encarnados e desencarnados que apenas queiram o bem" (A Gênese, XVIII: 28), trabalhemos e estudemos com afinco. Jesus está no comando do barco.


EspiritualMente - Nesses agitados e estressantes dias de hoje, é difícil manter uma boa conduta espírita? Quais os maiores desafios?

Heloísa - O Espiritismo, para avançar sem dificuldade, encontra no egoísmo, chaga da humanidade, o maior empecilho. Segundo o "Evangelho Segundo o Espiritismo", capítulo 11, item 11, na mensagem assinada por Emmanuel, encontramos orientações e cuidados em combater em nós mesmos esse monstro devorador de consciências, necessitando de coragem e determinação para vencê-lo.


EspiritualMente - Todo trabalhador espírita, principalmente aqueles que atuam no campo da divulgação, já vivenciou um fato curioso, inusitado e cheio de reflexão no desempenho da tarefa em questão. Você poderia nos contar alguma história?

Heloísa - Sim, como não! Lembro-me de uma segunda-feira. Estávamos implantando a nossa creche e os desafios eram enormes. Faltava tudo. Menos a vontade de dar certo. O grande problema naquela manhã eram as fraldas. Não havia um pacote sequer. Auxiliares nervosas solicitando as fraldas. Eu, nervosa com a chave na mão, me dirijo ao quarto onde deveria ter as fraldas. Sabia que não havia. Na sexta-feira, havia conferido. Entrei, fechei a porta e chorei. Chorei muito. A tristeza e a solidão naquela hora chegaram para me fazer companhia. Mas, no meio de tudo, ouço alguém me chamando. Aguço os sentidos. Abro a porta e vejo lá fora uma kombi parada. Aproximo e certifico que era um mensageiro do Programa Mesa Brasil, levando fraldas para nossas crianças. O céu existe e está bem perto de nós! É só acreditar!


EspiritualMente - Em meio a tantas crises, escândalos e crescimento da violência, quais suas perspectivas sobre a atualidade e o futuro do Brasil? Estamos no rumo certo?

Heloísa - As leis naturais são forças simples atuando sem que as criaturas percebam. O estado atual que alcançamos neste momento é o de madureza da humanidade, que faz da renovação uma necessidade. A criatura humana impulsionada pela Doutrina, está "fermentada" para dar voz a este novo momento que se anuncia na Terra: o da renovação das almas. Essas almas renovadas marcharão para a realização de ideias humanitárias compatíveis com o grau de adiantamento a que cada um conseguiu chegar. Segundo "A Gênese", "os homens de progresso encontrarão nas ideias espíritas uma possante alavanca e o Espiritismo encontrará nos homens, novos espíritos dispostos a acolhê-los". 


EspiritualMente - Você tem algum projeto ou objetivo a ser alcançado no trabalho espírita?

Heloísa - A meta é o infinito pois o trabalho nos levará a todos aos braços de Deus. O primeiro passo foi dado. Agora é avançar com Jesus e por Jesus.


EspiritualMente - Que mensagem você deixa para os visitantes, seguidores e colaboradores do nosso blog?

Heloísa - Toda busca pelo ideal do bem exige luta íntima e esforço de auto-superação. Cabe a todos, atitude firme e coerente perante os obstáculos naturais de qualquer iniciativa. Todos engajados na terceira revelação jamais poderão alegar que não possuem ferramentas necessárias para o sucesso do trabalho. Avante, pois, seareiros do bem! Jesus espera e conta com todos!



*          *          *


Agradecemos a colaboração e a gentileza de Heloísa Ballester por conceder tão bela entrevista!



Um comentário:

  1. Excelente entrevista! Muita esclarecedora. Gostei mto. Ela deve ser uma simpatia...

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo comentário!