quarta-feira, 22 de maio de 2019

Proteção às borboletas



Proteção às borboletas
(Benito Di Paula)

Eu sou como a borboleta
Tudo o que eu penso é liberdade
Não quero ser maltratado
Nem exportado desse meu chão
Minhas asas, minhas armas
Não servem pra me defender
As cores da natureza pedem ajuda pra eu sobreviver
Você que me vê voando
Como a paz de uma criança
Você sabe a minha idade
Eu sou sua esperança
A ordem da humanidade não deve ser destruída
Quando eu voar me proteja
Sou parte da sua vida.


Um comentário:

  1. Lindo, lindo, lindo!!!
    Benito de Paula é um dos maiores gênios da música popular brasileira, reunindo samba com piano, arranjos românticos e jazzisticos imortais. Por favor, não deixem esse gênio morrer,
    divulguem-no para vossos filhos e netos, pois é música da boa, e não barulheira infernal, reunindo vícios e imoralidades como se vê em certos setores da música nacional e internacional.
    fernandorosembergpatrocinio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Agradecemos pelo comentário!